Voltar
software by
Pessoas e Remunerações

Que tipos de contrato de trabalho existem?

O contrato de trabalho, definido pelo artigo 11.º do Código do Trabalho como “aquele pelo qual uma pessoa singular se obriga, mediante retribuição, a prestar a sua actividade a outra ou outras pessoas, no âmbito de organização e sob a autoridade destas”, é a base do elo vinculativo entre o trabalhador e a organização.

No entanto, existe mais do que um tipo de contrato de trabalho e perceber a diferença entre eles pode tornar-se confuso, razão pela qual resumimos tudo neste artigo de fácil leitura para que possa esclarecer todas as dúvidas.

Os principais tipos de contrato de trabalho

  • Contrato de trabalho sem termo

    O contrato de trabalho sem termo ou por tempo indeterminado é previsto pelo artigo 147.º do Código do Trabalho e, tal como o nome indica, é um tipo de contrato de trabalho que não tem, à partida, uma duração fixa pré-definida.

    Quando um contrato não se enquadra em qualquer outro tipo de contrato de trabalho, então o mesmo é considerado sem termo. Isto também se aplica a contratos em que falte a redução a escrito, a identificação ou a assinatura das partes, ou, simultaneamente, as datas de celebração do contrato e de início do trabalho, bem como aquele em que se omitam ou sejam insuficientes as referências ao termo e ao motivo justificativo.

  • Contrato de trabalho a termo certo

    O contrato de trabalho a termo certo, também designado a termo resolutivo certo, é um tipo de contrato de trabalho com uma duração estabelecida à partida, sendo previsto para necessidades temporárias de uma empresa, que são definidas no artigo 140.º do Código do Trabalho.

    As necessidades temporárias de uma empresa consideradas para contrato de trabalho a termo certo

    • Substituição direta ou indireta de trabalhador ausente ou que, por qualquer motivo, se encontre temporariamente impedido de trabalhar;
    • Substituição direta ou indireta de trabalhador em relação ao qual esteja pendente em juízo ação de apreciação da licitude de despedimento;
    • Substituição direta ou indireta de trabalhador em situação de licença sem retribuição;
    • Substituição de trabalhador a tempo completo que passe a prestar trabalho a tempo parcial por período determinado;
    • Atividade sazonal ou outra cujo ciclo anual de produção apresente irregularidades decorrentes da natureza estrutural do respetivo mercado, incluindo o abastecimento de matéria-prima;
    • Acréscimo excecional de atividade da empresa;
    • Execução de tarefa ocasional ou serviço determinado precisamente definido e não duradouro;
    • Execução de obra, projeto ou outra atividade definida e temporária, incluindo a execução, direção ou fiscalização de trabalhos de construção civil, obras públicas, montagens e reparações industriais, em regime de empreitada ou em administração direta, bem como os respetivos projetos ou outra atividade complementar de controlo e acompanhamento.

    Desde as alterações introduzidas pela Lei n.º 93/2019 de 4 de setembro, o contrato de trabalho a termo certo tem a duração máxima de 2 anos, dentro dos quais não podem ser excedidas três renovações, e a duração total das renovações não pode exceder a do período inicial daquele. Quando o prazo de duração máximo de 2 anos é ultrapassado sem cessação do contrato, o contrato passa a sem termo.

  • Contrato de trabalho a termo incerto

    Tal como o contrato de trabalho a termo certo, o contrato de trabalho a termo incerto, ou a termo resolutivo incerto, é previsto para responder a uma necessidade temporária de uma empresa; no entanto, nesta situação, o contrato não tem uma duração pré-definida pela mesma ser impossível de antever.

    A Lei n.º 93/2019 de 4 de setembro estabelece que a duração de um contrato de trabalho a termo incerto não pode ser superior a 4 anos, com o limite anterior a ser de 6 anos.

    O contrato de trabalho a termo incerto cessa quando a necessidade específica que serve de motivo para o mesmo deixa de existir (por exemplo, quando a funcionária em licença de maternidade vai regressar), devendo ser comunicada pela entidade empregadora a sua cessação ao trabalhador, por escrito, com uma antecedência de 7 dias para contratos que duram há menos de 6 meses, 30 dias para contratos que duram há mais de 6 meses e menos de 2 anos e 60 dias para contratos que duram há mais de 2 anos.

  • Contrato de trabalho de muito curta duração

    O contrato de trabalho de muito curta duração, previsto no artigo 142.º do Código do Trabalho, é um tipo de contrato de trabalho para casos especiais, especificamente, quando a natureza estrutural ou até o próprio mercado levam a um acréscimo excecional e substancial da atividade de empresa com um ciclo anual irregular que a sua estrutura permanente não permita assegurar, nomeadamente, nos casos de atividade sazonal no setor agrícola ou do turismo.

    Nestas situações, não é necessário existir um contrato escrito, sendo apenas necessário comunicar a realização do mesmo à Segurança Social através de um formulário eletrónico.

    Dada a sua especificidade, este tipo de contrato tem um limite de 35 dias (antes da Lei n.º 93/2019, 15 dias); para além disso, a duração total dos contratos estabelecidos entre o mesmo empregador e colaborador não pode ultrapassar 70 dias de trabalho do ano civil. Em caso de incumprimento, este contrato passa automaticamente a ter o prazo de 6 meses.

  • Contrato de trabalho temporário

    O contrato de trabalho temporário é um tipo de contrato a prever especificamente a modalidade do trabalho temporário; isto é, a situação de uma entidade recorrer a uma empresa de trabalho temporário para o recrutamento e seleção, sendo esta última quem contrata o trabalhador e é responsável pela sua remuneração. Este tipo de contrato pode ser realizado a tempo certo ou incerto.

  • Contrato de trabalho a tempo parcial

    O contrato de trabalho a tempo parcial, especificado no artigo 150.º do Código do Trabalho, é um tipo de contrato focado no trabalho parcial, coloquialmente chamado também de part-time, que se define como um período normal de trabalho semanal inferior ao praticado a tempo completo, nomeadamente, 40 horas semanais.

    Neste tipo de contrato, o número de dias de trabalho é estabelecido por acordo, estabelecendo-se também que as situações de trabalhador a tempo parcial e de trabalhador a tempo completo são comparáveis quando estes prestem idêntico trabalho no mesmo estabelecimento.

O mercado de trabalho atravessa uma verdadeira transformação digital

A evolução drástica do digital levou a alterações em todas as vertentes do mundo dos negócios, o que inclui o mercado de trabalho, com fatores como o teletrabalho a tornarem-se preponderantes nos últimos anos.

A acompanhar essa evolução, o ROSE Accounting Services é uma verdadeira transformação digital: uma plataforma na cloud que permite uma maior colaboração entre empresários e contabilistas, com uma plataforma comum entre ambas as partes. Para além disso, inclui uma vertente de Recursos Humanos que permite aos próprios colaboradores intervirem diretamente no processo, com ações como marcação de faltas e férias, consulta de recibos de vencimento e outras atividades do processamento salarial, seguindo à risca todas as regras do Código de Trabalho.

Com o ROSE Accounting Services, não só o processamento dos salários é completamente automático e a informação gerada muito fácil de compreender por parte de todos os colaboradores, como também a informação de processamento salarial gerada é integrada diretamente na contabilidade, facilitando o trabalho contabilístico e de recursos humanos, para além de providenciar ainda mais informações na geração de relatórios de gestão fundamentais para o sucesso do negócio.

Fique a conhecer as vantagens do ROSE para empresários e contabilistas e agende a sua demonstração gratuita.

Partilhe este artigo:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Trabalhe numa plataforma cloud colaborativa e integrada, onde e quando quiser.

Outros artigos do seu interesse

Pessoas e Remunerações

Isenção de horário de trabalho

Esclareça todas as suas dúvidas sobre a isenção de horário de trabalho, desde o que é às suas modalidades, aplicabilidade, regras e salário.